Tingimento natural com alimentos.

Tingimento natural com alimentos.

by Stay Irie, julho 11, 2017

A indústria têxtil em seu processo de tingimento, tem se mostrado uma das maiores poluidoras do mundo. Grande parte dos corantes utilizados durante o processo de tingimento têxtil é derivado do petróleo, e resulta em uma série de problemas ambientais. Além da poluição ao meio ambiente, os corantes sintéticos, muito utilizados pela indústria, podem apresentar riscos toxicológicos à saúde do ser humano, levando em consideração fatores como o tempo de exposição, sensibilidade da pele e vias respiratórias.

Já é de conhecimento que para solucionar alguns problemas da moda existem diversas alternativas, como por exemplo, reduzir o consumo de peças, restaurar peças danificadas com o tempo ou, ainda, consumir peças usadas. Em todas essas alternativas o problema com os corantes continuará, todavia existe uma solução antiga e simples, tingir com restos de alimentos.

O tingimento natural não é uma novidade e acompanha a humanidade através da história. Imagine que ao invés de jogar no lixo ou na horta, você possa tingir tecidos ou roupas com as cascas, sementes e restos de vegetais da sua própria cozinha.

Com 200 gramas de restos é possível tingir aproximadamente 1 quilo de roupa, que será preparada junto com uma colher de fixador (para fixar melhor a cor no tecido) e com água fervente. Em outras palavras, é como se cozinhasse a roupa junto dos restos alimentícios, isso fará com que a cor penetre nas tramas do tecido. É válido lembrar que por se tratar de um processo artesanal ele é único e dependendo das proporções de restos utilizados pode-se resultar em diversas tonalidades de cores a cada novo processo de tingimento.

Os alimentos mais utilizados nestes processos são: repolho roxo para tingimento na cor azul, beterraba para magenta/rosa, casca de cebola resulta em um tom laranja amarronzada, caroço de abacate para rosa claro, Açafrão para amarelo, entre outros. Os experimentos podem ser livres e você pode testar com os alimentos que preferir.

REERENCIA: http://www.pensandoaocontrario.com.br/2016/06/a-incrivel-arte-de-como-tingir-roupas.html

REFERENCIA IMAGEM: www.botanicalinks.com

No Comments


    Leave a Reply

    Your email address will not be published Required fields are marked *

    You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

    *